junho 27, 2009

Cadê o juízo do menino?

Quem disse que não vale a pena perder o juízo? Tino Freitas apostou na idéia e o resultado não podia ter sido melhor!

O menino acorda sem juízo e atravessa as páginas do livro arrancando sorrisos do leitor: em casa, na escola, por onde passa carrega letras e versos que contagiam a imaginação de quem saboreia esta história divertida e tão próxima do universo infantil (ok, ok... perder o parafuso acontece em qualquer idade...rsrsrs).


E que tal uma história empolgante ilustrada com os traços coloridos e inconfundíveis de Mariana Massarani? Com um jogo de mostra-esconde a brincadeira fica ainda melhor se o mediador explorar os detalhes que as imagens oferecem. O casamento foi perfeito e o acabamento final, de primeira. O livro está lindo e acabou de ser lançado no 11o Salão FNLIJ, no RJ.


Apesar de já saber um pouquinho do que estaria entre as páginas, a espectativa foi superada com a chegada do "nenê" do Tino esta semana, pelo correio. Uma daquelas surpresas que deixam a gente feliz, com a sensação de que perder o parafuso é o melhor que o ser humano pode fazer na vida!


A dica está lançada e certamente ninguém vai se arrepender. Tino, uma alegria ver seu sonho concretizado já com a certeza de que, em breve, encontraremos outros a nossa espera nas livrarias. Beijos e moiiinto obrigada pelo presentão! Amei!
;o)

"Cadê o juízo do menino?"
Tino Freitas
il. Mariana Massarani
Manati Editora


ps.: para conhecer o trabalho do Tino Freitas e da Ana Paula com os Roedores de Livros (em Brasília) clique
aqui.
(fotos:ligiapin)

3 comentários:

Felipe Sclengmann disse...

Belo post Lígia...

Eu realmente adoro seu blog...

A propósito.. Assiste meu curta, se eu já não te passei o link antes, não lembro.. hehehe

http://www.youtube.com/view_play_list?p=26BD9D87E8A8FC43

Bom fim de semana..
Beijo!
=D

Nasci disse...

Belo blog. Visitarei mais

Anônimo disse...

na minha escola te esse livro e eu ja li e é muito legal.